Minha entrevista para o blog submissoreal

unnamed

Fui convidada a conceder uma entrevista para o blog submissoreal.

http://submissoreal.blogspot.com.br/2015/06/entrevista-com-rainha-charlotte.html

Agradeço o convite e a total paciência  pois meu temperamento não é nada fácil. rs Foi muito legal poder falar um pouco mais sobre mim nesse espaço bacana. Segue um trecho pra vocês!

“1.Há quanto tempo a Senhora já gosta e vive o BDSM?

Sempre gostei de carinhos nos pés, embora desconhecesse o termo podolatria. Acho que começou tudo aí. Também certa vez amarrei um namorado meu que sempre topou tudo o que eu quis fazer. E na época, eu também nem sonhava que existia o termo Bondage. Não era nem a pontinha do Iceberg, rs.

Havia algo lá no fundo em que foi despertado e não mais parou. Todo mundo tem um começo. Desde então venho me interessando cada vez mais e há 2 anos mergulhei de vez nesse universo. É pouco tempo, mas foi, está sendo de uma forma muito intensa, genuína e prudente. E tenho plena consciência dos meus desejos, do que eu quero explorar. É muita coisa que me atrai no BDSM, fantasias e novas experiências. Mas muitas delas já realizei e quero repetir. Outras não gostei. Outras sequer tive o interesse. Muito simples assim!

2.Qual tipo de presentes a Sra mais aprecia receber?

Sapatos, sandálias, botas! rs Tudo relacionado a roupas fetichistas corset, couro, látex, vinil. Acessórios BDSMs(Qual Domme não gosta de tudo isso?). Vinhos (malbec), jóias e produtos eletrônicos também.

3.O que não faz parte das suas preferências?

Agulhas, Scat, Age Play, Facefartting, dominação em mulheres nem casais.

4.Quais são os limites que nunca cruza? Já aconteceu algo que achou ser além do esperado?

Para isso existe um conhecimento prévio, um feeling e um botãozinho básico chamado safe-word. Escravo que nunca usou ainda não pode ser considerado escravo. Aí que está a “graça” toda em estar totalmente a mercê das minhas vontades.

Todos nós exploramos os nossos limites, seja no campo profissional, ou praticando algum esporte.. enfim, limites estão aí para serem rompidos, explorados (não desrespeitados). E tudo com responsabilidade. Se é algo que tenho comigo enquanto Domme……”

Clique no link abaixo para acessar o blog submissoreal e acessar a entrevista completa.

http://submissoreal.blogspot.com.br/2015/06/entrevista-com-rainha-charlotte.html

2 pensamentos sobre “Minha entrevista para o blog submissoreal

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s